Giro Marília -Estado apresenta time paralímpico com dois atletas revelados em Marília

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência apresentou nesta segunda feira os integrantes do Time São Paulo Paralímpico 2020, que inclui dois atletas revelados pela Amei (Associação Mariliense de Esportes Inclusivos): a judoca Alana Maldonado e o corredor Daniel Martins.

A equipe atual do Time São Paulo conta com 63 atletas sendo eles das modalidades paralímpicas: Atletismo, Judô, Tiro Esportivo, Natação, Tênis de Mesa, Halterofilismo, Triatlo, Bocha, Ciclismo, Canoagem e Taekwondo. Dentre os integrantes, doze já estão classificados para os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020, tais como: Daniel Dias (Natação), Daniel Tavares (Atletismo), Jerusa Geber (Atletismo) e Edenia Garcia (Natação), todos medalhistas do Mundial de Dubai 2019.


Daniel Martins, nascido em Marília, treina com a Amei desde 2013. Entre muitas conquistas levou a medalha de ouro com quebra de recorde mundial nos Jogos Paralímpicos de Verão de 2016 no Rio de Janeiro. Não participou da solenidade por estar em fase especial de treinamento em Londrina.

Natural de Tupã, Alana foi revelada na Amei e também coleciona títulos importantes em sua modalidade. Levou Prata no Paralímpico do Rio, outro no Panamericano de 2017 e recentemente conquistou competições internacionais, como na Alemanha.

Durante o evento, também foi anunciado o curso de longa distância (EaD) "Movimento Paralímpico: Fundamentos Básicos do Esporte -SP", que será oferecido de abril a junho. Ao todo serão oferecidas 10 mil vagas de capacitação gratuitas para professores de educação física e educação especial, para que tenham o conhecimento necessário para desenvolver atividades físicas junto às crianças com deficiência em prol da inclusão.

O curso, que teve autorização publicada em Diário Oficial pela Escola de Formação e Aperfeiçoamento dos Profissionais da Educação (EFAPE), terá validade para evolução funcional dos servidores e tem como proponente a Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e é executado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) em parceria com o Programa Impulsiona Educação Esportiva.


Últimas Notícias