source
Pamella agradece apoio após agressões
Reprodução
Pamella agradece apoio após agressões

Latino já havia revelado que retirou o DJ Ivis de sua nova música, 'Exxxquece',  após a polêmica agressão do DJ à sua ex-mulher, Pamella Holanda, vir à tona e ele ser preso por violência doméstica. A faixa foi lançada recentemente em todas as plataformas digitais. Além de encerrar a parceria com Ivis, Latino resolveu estender a mão à mãe da filha dele. Ele colocou Pamella Holanda como sócia na produção de 'Exxxquece' para que ela tenha direito a receber parte dos lucros da música que iria para seu então marido, caso ele não tivesse sido excluído do feat. A iniciativa de ajudar Pamella veio mesmo após os investidores do projeto terem tido um prejuízo de R$ 300 mil com a mudança em cima da hora.

"A gente ficou sensibilizado com a história dela. Ainda mais que a gente tinha essa música pra lançar junto com o Ivis, já com clipe e tudo pronto… O que eu poderia fazer não só pra salvar o clipe, mas também pra tentar ajudar essa mulher tão sofrida e que passou por uma situação tão delicada? Como a gente repudia esse tipo de atitude contra as mulheres, eu decidi tomar essa atitude no meu café da manhã. Já estava com o marketing pronto, com tudo levantado e acabei me ferrando. Tirar o Ivis dessa parceria rendeu um prejuízo de R$ 300 mil aos meus investidores e aos meus empresários. Então já que vou ter que refazer tudo e já que esse percentual iria pra ele, resolvi fazer bom uso disso e dar pra quem está precisando", conta o cantor com exclusividade à coluna.

Latino ainda revelou a reação de Pamella ao descobrir que havia se tornado detentora de parte dos direitos da música. "A gente fez contato com ela e ela nem acreditou num primeiro momento. Ela ficou assim: 'será se é verdade? Porque está todo mundo dizendo que vai me ajudar, mas ninguém se levantou pra me ajudar, de fato'. Então fomos lá e efetivamos a parceria. Num primeiro momento ela ficou meio em choque, ainda mais quando ela ouviu a música e disse que era um sucesso… Eu falei: 'se Deus quiser essa música vai faturar muito. O fonograma dela vai dar muito certo e toda parte de áudio da música, ela passa a ser sócia nossa, como se ela fosse integrante da música. Foi uma decisão que não foi pensada demais, mas foi altruísta. Eu não quero esse percentual que seria do Ivis. Preferi compartilhar com alguém que com certeza irá fazer bom uso disso. Parece que ele tinha deixado ela com pouco dinheiro na conta, então isso vai ajudar também no sustento da filha dela, até ela conseguir se reerguer. Estamos felizes com essa parceria", finaliza Latino, que já se declarou totalmente contra qualquer tipo de agressão contra as mulheres.

Fonte: IG GENTE