source
Calendário de vacinação da primeira dose continuará suspenso na capital fluminense
REPRODUÇÃO/AGÊNCIA BRASIL
Calendário de vacinação da primeira dose continuará suspenso na capital fluminense

Na noite deste domingo (25), o secretário municipal de Saúde do Rio de Janeiro, Daniel Soranz, afirmou, em publicação no Twitter, que, até o momento, a capital fluminense está "sem qualquer previsão de entrega" de vacinas contra o coronavírus. Sendo assim, o calendário de vacinação da primeira dose continuará suspenso devido à falta de imunizantes . Na última sexta-feira, 23, a Prefeitura anunciou a paralisação e explicou que a vacinação será retomada assim que o Ministério da Saúde enviar nova remessa de vacinas.


Na rede social, Soranz também criticou a demora do Ministério da Saúde em distribuir as vacinas. "As 14,5 milhões de doses em estoque no Ministério da Saúde, seriam suficientes para imunizar o estado do Rio de Janeiro todo. 61 PESSOAS morrem por dia no estado por #COVID19 devido ainda não terem se vacinado. Nada pode ser mais urgente que esta distribuição!", escreveu o secretário.


Segunda dose

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde informou que retirou 76.340 doses da vacina AstraZeneca na central de distribuição do estado, neste sábado, 24, que já estavam reservadas para a segunda dose.


"Os postos de vacinação da cidade do Rio continuarão atendendo as pessoas agendadas para tomar a segunda dose nos próximos dias", afirmou a pasta em comunicado.

Fonte: IG SAÚDE