source

A indústria de cruzeiros marítimos é uma das que mais vem sendo afetada pela pandemia de Covid-19. No Brasil, o Ministério da Saúde proibiu a circulação de novos navios em 13 de março e, desde então, não retomaram as atividades em nenhum momento. Todos os navios estão a postos para retornarem às atividades o mais rápido possível, em modo "warm lay-up", com uma tripulação de funcionários mínima.


cruzeiro
Pixabay/Reprodução
Cruzeiros terão que operar com capacidade reduzida para permitr o isolamento social


Para a quando as viagens forem liberadas, mesmo sem terem uma data concreta ainda, as companhias marítimas já estão se planejando para tomar medidas de higiene e segurança especiais. Segundo protocolos lançado pela Costa Cruzeiros e MSC, algumas medidas já estão sendo estudadas para que os navios possam circular de forma segura.

Serviços on-line para passageiros


O check-in será disponibilizado online para evitar possíveis aglomerações e todos os passageiros terão que preencher um questionário pela internet sobre seu estado de saúde, para que não ofereça riscos para os outros passageiros ou para a tripulação.

Escaneamento térmico e medidas de proteção obrigatória

As duas companhias terão estações no terminal em que a temperatura de cada passageiro será medida com um scanner térmico e pessoas que apresentarem febre ou estado febril não poderão embarcar.

Também será obrigatório a utilização de máscaras, tanto de passageiros quanto de tripulantes no terminal.

Medidas de distanciamento social

Todos os navios operarão com capacidade de ocupação reduzida e com espaços de uso comum redesenhados para poderem cumprir as normas de distanciamento da OMS (Organização Mundial da Saúde), para que todas as interações dentro do navio aconteçam de forma segura.

Higienização

As regras de higiene passarão a ser bem mais rígidas, utilizando produtos com maior eficácia de tecnologia hospitalar nas áreas públicas da parte interna e externa do barco. Todas as cabines passarão por um processo de desinfecção antiviral diariamente.

Proteção a bordo

Dispensadores de sabonetes e desinfetantes serão disponibilizados em todas as áreas do navio e máscaras serão disponibilizadas caso o passageiro necessite. Em excursões e passeios, os ônibus e os barcos serão higienizados após cada uso e também funcionarão com capacidade reduzida para que o distanciamento funcione. O uso obrigatório de máscaras funcionará para tripulantes e passageiros.

Isolamento a bordo

Qualquer hóspede que apresentar febre será isolado em sua cabine, assim como todos que tiveram contato com ele ou faça parte da mesma família e a assistência médica disponibilizada no navio será reforçada com especialistas aptos e atualizados sobre protocolos e normas para combater o novo coronavírus.

Fonte: IG Turismo