Giro Marília -Governo nomeia diretor da Famema; excelência, concurso e campus são metas

O governo do Estado divulgou no Diário Oficial desta sexta-feira portaria para nomeação do médico Valdeir Fagundes de Queiroz como diretor da Famema (Faculdade de Medicina de Marília) pelos próximos quatro anos.  Haydée Maria Moreira Rodrigues será a vice-diretora.

Candidatos pela chapa Famema Excelência no Ensino, os dois foram eleitos com 67,7% dos votos válidos em votação no dia 17 de março. Valdeir Queiroz fará seu segundo mandato como diretor da instituição, uma autarquia estadual vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Regional.

O diretor disse que apesar da reeleição o novo mandato não é apenas um momento de continuidade. “Em resumo, o que procuramos fazer no primeiro mandato foi melhorar a imagem da instituição e melhorar diversos aspectos administrativos. Agora temos novas metas: excelência no ensino, a instalação do campus e ampliação dos cursos”, afirmou.

Valdeir Queiroz disse que a realização de um concurso já autorizado é outro compromisso, mas destacou que a medida está descartada neste ano. “Em função da pandemia e do direcionamento de esforços no atendimento o concurso é uma meta a partir de 2022”, explicou.

Gastroenterologista, Valdeir Queiroz disse que os cursos de Medicina e Enfermagem já receberam nota máxima nas últimas avaliações, mas o desafio é tornar a Famema um centro contínuo de excelência em ensino e evolução.

Uma das medidas a serem tomadas deve ser a contratação temporária de docentes. Além disso a instituição caminha para instalação do curso de psicologia e transformação em um centro universitário, que permita mais investimentos na formação.

O novo campus, a ser construído em uma área na avenida Tiradentes, será um passo importante neste processo. Vai reduzir gastos com alugueis e criar estrutura planejada de ensino, laboratórios e qualificação.

Graduado pela Famema em 1973, é professor na instituição desde 1977. Já foi também diretor clínico na Santa Casa de Marília.


Últimas Notícias