Giro Marília -Polícia investiga manipulação de resultados no campeonato da série A-3

Reportagem divulgada pelo Esporte Espetacular mostra conversa que indiciaria esquema de apostas e manipulação - Reprodução

Uma investigação policial apura indicações de que apostadores influenciam resultados de jogos da série A-3, campeonato que tem o MAC (Marília Atlético Clube) como um dos participantes, com esquemas que geram lucros a apostadores e influenciam a tabela.

O MAC não aparece em nenhuma investigação ou envolvimento em qualquer dos casos. A eventual manipulação provoca resultados que influenciam a tabela, classificação e sucesso ou fracasso de equipes na competição.

 A investigação já envolve denúncias sobre dois casos, agravados por informações prestadas por um jogador do Paulista de Jundiaí, que foi abordado para participar do esquema e revelou o caso.

Ele foi procurado para receber vantagens em troca de participação na derrota do jogo contra o Desportivo Brasil. Divulgou mensagens em que um apostador oferece dinheiro e mostra alta lucratividade nas apostas.

O caso revelou que o sistema teria sido usado na partida entre Barretos e Linense – vencida por 4 a 0 pelo time de Lins – e também na partida entre Olímpia e Paulista. As informações acompanham relatórios de uma empresa contratada pela FPF (Federação Paulista de Futebol) para monitorar as partidas e sites de apostas.

Um relatório divulgado pelo programa Esporte Espetacular, da rede Globo, mostra que jogadores do Barretos atuaram “passivos e desordenados” na defesa. Apostas que projetaram o resultado final – 4 a 0 – foram premiadas.

O delegado Cesar Saad, que participa da apuração, explicou à Globo que serão ouvidos jogadores, comissão técnica e diretoria de clubes. Os times negam conhecer o esquema e divulgam mensagens de apoio à investigação e até punições para “banir os envolvidos”.

As apostas são feitas em sites que operam em outros países, já que o sistema de apostas é proibido no Brasil. Nas plataformas acertar o resultado final é uma das maneiras de apostar. Mas é possível analisar faltas ou escanteios.

O jogo entre Olímpia e Paulista é um dos casos que teria manipulação de combinação. O monitoramento mostra apostadores premiados com resultados parciais: o Paulista venceria o primeiro tempo e o Olímpia venceria a partida. O Paulista abriu o placar com um erro grosseiro da defesa do Olímpía nos acréscimos do primeiro tempo. Foram premiadas 17 apostas que registraram esse resultado.