Giro Marília -Fenômeno raro "supercélula" é registrado em local de fortes chuvas em MS

source
Momento em que a
Defesa Civil MS/Divulgação
Momento em que a "supercélula" é registrada em Corguinho em Mato Grosso do Sul

Na última terça-feira (16), foi registrado em Corguinho, cerca de 100 quilômetros de Campo Grande, Mato Grosso do Sul , uma "supercélula" que viralizou nas redes sociais com a dúvida da veracidade do acontecimento. Porém, segundo a Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar ( Semagro ), afirmou que o registro do momento é verdadeiro e não uma montagem. As informações foram apuradas pelo G1.  

De acordo com a Franciane Rodrigues, mestra em Meteorologia, no laudo assinado por ela, consta que tal fenômeno é raro em Mato Grosso do Sul e foi originado devido às fortes chuvas na região. No dia 16 deste mês, o Centro de Monitoramento do Tempo e Clima (CEMTEC) registrou um volume de chuva equivalente a 60mm, considerada como chuva forte pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). 

Ainda segundo o laudo, a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) aponta a " supercélula " como uma certa tempestade, que é originada pela presença de uma corrente de ar que gira no interior da nuvem, com isso, ocasiona forte ventos, chuvas de granizo, tornados mortais, descargas elétricas e enchentes. 

Na última semana, com cerca de 6 mil habitantes, Corguinho sofreu com chuvas intensas na região. No dia 17 de fevereiro, pontes caíram e aproximadamente 250 pessoas ficaram ilhadas no município.

Cenas fortes também foram registradas, como por exemplo, uma criança foi resgatada com a ajuda de uma corda após a casa dela ficar coberta pelas águas da chuva. No dia 18 deste mês, foi decretado estado de calamidade na localidade e equipes da Defesa Civil ainda se empenham para normalizar situação. 


Últimas Notícias