Giro Marília -Brincadeira - Empresário posta carteira de vacinação fora da fila no HC; MP apura

Em meio a uma investigação e polêmica sobre estudantes que teriam furado a fila de vacinação contra Covid no Hospital das Clínicas de Marília, um empresário de 34 anos divulgou imagem de uma carteira de imunização com seu nome, o que teria sido uma brincadeira.

O caso pode virar investigação do Ministério Público por envolver a fila e o uso de um documento público da saúde na brincadeira. O Giro Marília recebeu a informação de que a postagem foi encaminhada também ao promotor Isauro Pigozzi Filho, que já havia aberto na semana passada um procedimento para acompanhar a vacinação no HC.

A carteira divulgada tem todos os dados de vacinação até o carimbo da responsável pelo registro. A ‘brincadeira’ teria sido a inclusão do nome do empresário no documento.

O Giro não conseguiu contato com o empresário. Em entrevista ao Jornal da Manhã, o empresário Rodrigo Fabrizzi Lucas, que comanda uma plataforma de compras e descontos na cidade, disse que foi “mentira”, “brincadeira”.Rodrigo disse na entrevista que até a cor da caneta usada para a postagem é diferente.

Em resposta ao Giro, o HC disse que segue o Plano de Imunização e que “seu não cumprimento será apurado e realizado todas as medidas cabíveis”. É a mesma manifestação que o Hospital havia divulgado quando surgiu a informação de que houve furo na fila por estudantes de medicina.


Últimas Notícias