Giro Marília -Distrito de Marília formalizado em 1944 ganha museu em escola municipal

O Distrito de Amadeu Amaral, na zona oeste de Marilia, passou a contar com um Museu Histórico Pedagógico instalado em escola municipal e que deve aberto à comunidade.

O projeto foi desenvolvido pela equipe da escola que une turmas de ensino infantil e ensino fundamento, a Emefei Antônio Garcia Egéa.

O distrito de Amadeu Amaral foi formalizado em 1944 em decreto-lei do então interventor-federal que definiu a divisão administrativa do Estado.


Tornou-se sede no povoado de Santa Isabel e terras desmembradas dos municípios de Marília e Lutécia e dos distritos de Ocauçu (ex-Casa Grande) e Nuretâma (ex-Campos Novos).

O acervo reunido pela escola ajuda a preservar a história e memória de formação da comunidade de Amadeu Amaral.

A equipe da Escola organiza agendamentos para a programação de visitas das escolas municipais, estaduais e particulares da cidade, além de outros grupos.

As visitas são monitoradas e acompanhadas pelos alunos da própria unidade escolar, que recebem os visitantes e apresentam o museu e os projetos desenvolvidos na escola.

Os grupos são organizados de acordo com a faixa etária da turma visitante, focando em habilidades compatíveis com o ano de escolaridade.

O cronograma de visitação teve início no dia 16 de junho com a turma do Infantil II da EMEI Walt Disney, acompanhados da professora Gabriela da Motta e a diretora Patrícia Ocanha dos Santos.

Para o diretor Anderson Paes, a expectativa é de que o museu se torne um ponto de referência cultural e educacional na região, “promovendo o conhecimento histórico, a participação da comunidade, a preservação do patrimônio local e o incentivo ao turismo cultural, com o objetivo de construirmos juntos um futuro melhor para todos”, pontuou.

Mais informações e orientações sobre o agendamento podem ser obtidas pelo telefone (14) 3402-6314.


Últimas Notícias