A Secretaria Municipal da Educação de Marília vai prorrogar até o dia 14 de maio a suspensão de atividades escolares presenciais em todas as unidades da prefeitura.

No período, as escolas vão manter oferta de aulas e outras atividades de forma remota por sistema de divulgação na internet.

Segundo a prefeitura, a Educação e a Secretaria de Tecnologia da Informação estão buscando meios para melhorar o acesso dos alunos à internet, além de aprimorar o trabalho via Plataforma para essas aulas remotas.

O comunicado diz ainda que ao final da primeira quinzena de maio essa situação será reavaliada, levando em conta a contenção da pandemia da Covid-19 no município.

ESTADO

A medida vale apenas para a rede municipal. Uma ação civil pública proposta pela Apeoesp (Sindicato dos Professores do Estado) pede que a prefeitura suspenda também as atividades  presenciais na rede municipal de ensino.

A medida é baseada em uma decisão da Justiça de São Paulo que determinou a suspensão de aulas. A ação em Marília ainda não tem decisão sobre um pedido de liminar.



Últimas Notícias