Giro Marília -HC lista 20 funcionários para abrir vacinação em Marília; duas tiveram Covid

O Hospital das Clínicas de Marília terá 20 funcionários envolvidos no lançamento do programa de imunização contra a Covid-19 nesta terça-feira em Marília. Duas das profissionais na lista contraíram a doença e seguem na linha de frente em situação de riscos.

Três foram destacadas para conceder entrevistas: a técnica de enfermagem Francine Rita de Cassia Domingues Viana, 32 anos, que atua no HC há quatro anos; A médica Silene El Fakhouri Idade: 54 anos e 30 deles no Complexo Famema, coordenadora da UTI Adulto do hospital, e a fisioterapeuta Roberta Precipito Krusicki Idade, 29 anos, que atua no HC desde 2017 e está na linha de frente desde o início da epidemia.

“Fiquei com muito medo pois moro com os pais de 70 anos. Graças a Deus e aos cuidados necessários, meus familiares ficaram bem e não tiveram a doença. Continuo na linha de frente com orgulho, e recebo a notícia da vacina com muita alegria. Ontem pela primeira vez em dias, estava alegre, confiante e acreditando no futuro e em dias melhores para a saúde no Brasil”, disse Francine em comunicado divulgado pelo hospital.

A médica Silene Fakhouri também enfrentou isolamento difícil para preservar a família e conseguiu evitar a transmissão em sua casa. “Passei por tudo isso e continuo na linha de frente com muito orgulho servindo a minha cidade.” 

Ela será a funcionária mais velha a receber a vacina - há ainda duas pessoas com 53 anos - e a fisioterapeuta Leandra Roberta Destro Julien, 25 anos, da pediatria, será a mais jovem imunizada.

A vacinação deverá começar às 13h com previsão de participação do governador João Doria, que também acompanhou lançamento em outros hospitais. O HC recebeu 2.680 doses e será o primeiro polo de vacinação na cidade. A imunização não deve atingir nesta fase a equipe da Faculdade de Medicina de Marília.

Veja a relação dos 20 selecionados para a vacinação durante a solenidade.


Últimas Notícias