Giro Marília -Motociclistas de Marília são premiados em pesquisa sobre segurança em rodovias

Seis motociclistas de Marília em um grupo de 20 selecionados vão receber vouchers no valor de R$ 500 cada para realizar a manutenção da moto ou ainda investir na compra de equipamentos de proteção individual.

Eles foram escolhidos entre 533 participantes que responderam o questionário on-line, uma comissão interna da empresa selecionou 20, sendo sete mulheres e 13 homens.

São usuários de rodovia que residem em diferentes cidades que possuem rodovias administradas pela Entrevias, como Marília, Ribeirão Preto, Sertãozinho, Pontal e Pongaí. Os nomes estarão disponíveis para consulta no site da Entrevias, a partir desta sexta-feira (25), no endereço https://entrevias.com.br/motociclistas. A empresa entrará em contato com os selecionados.

A premiação integra uma campanha digital de segurança promovida pela empresa, a “Motociclista, se liga nessa parada”. Lançada em junho nas redes sociais da Entrevias, a iniciativa contou com o reforço do personagem Jackson Faive, motoboy interpretado pelo ator Marco Luque, como estratégia de comunicação que alcançou mais de 4 milhões de impressões por meio de divulgação no Yotube, Facebook e Instagram da companhia.

Para concorrer, os motociclistas precisaram acessar o site da empresa, ler um e-book produzido sobre o tema segurança e acertar ao menos três das cinco perguntas elaboradas.  Também tiveram que responder a frase: O que você faz para garantir a sua segurança na rodovia?

A participação também ficou condicionada à comprovação de residência em qualquer uma das 30 cidades pelas quais passam as rodovias sob concessão da concessionária, sendo 15 no trecho de Marília e 15 na região de Ribeirão Preto, além de outros pré-requisitos divulgados em regulamento.

A iniciativa de realizar uma campanha de segurança viária voltada aos motociclistas, principalmente os de moto de baixa cilindrada – perfil prevalente nas rodovias administradas pela empresa, teve por objetivo alertar os condutores sobre os riscos da falta de manutenção preventiva e de andar com o pneu careca.

O histórico de acidentes registrados pela companhia indica que o tombamento de moto causado por estouro de pneus é o tipo de acidente mais comum nos 570 quilômetros operados. Atenta à esta realidade, o mote da campanha e do quiz foi incentivar condutas preventivas no trânsito e reforçar a necessidade de estar com os itens da moto em bom estado.

Para o gestor de Segurança Viária da Entrevias, Fábio Ortega, tombamentos muitas vezes estão relacionados com a imprudência e falta de manutenção preventiva. “O motociclista de um veículo de baixa cilindrada, principalmente, precisa estar sempre muito atento, antecipar possíveis ações no trânsito e tomar decisões com segurança.  A alta velocidade combinada a uma moto sem manutenção mecânica oferece risco de queda e grande chance de morte.”, reforça.


Últimas Notícias