Giro Marília -Pequeno gênio - Leo, 6 anos, leva Marília a organização mundial com superdotados

Leo, seis anos, um menino muito tranquilo, carinhoso, simpático e sorridente. Inocente como qualquer criança da faixa etária. E a partir de agora membro de grupos para reuniões online, oficiais virtuais sobre ciências, matemática, artes, astronomia e mais.

É esse, resumido, o perfil de Leonardo Oliveira, o @leo.mathias.17, menino que acaba de levar o nome de Marília ao seletíssimo grupo de participantes da Mensa, uma organização presente em cem países para identificar e fomentar inteligência humana.

Chegou à organização depois de ser reconhecido como uma criança superdotada. Mostrava sinais desde cedo: começou a ler antes dos dois anos e ainda sem articular tanto as palavras já fazia cálculos simples.


A avaliação pela Mensa, que mantém escritórios formais em 40 países, inclusive no Brasil, mostrou Q.I 140.

“Ser aceito na Mensa é um reconhecimento da sua condição de superdotação. É uma oportunidade de conhecer e interagir com crianças com habilidades semelhantes, através de um grupo da mesma faixa etária chamado ‘mini Mensa’”, explica a mãe, Ana Cláudia Mathias, major na Polícia Militar.

Com 3 anos, ele já calculava multiplicação e divisão, sabia ler e escrever textos complexos, plenamente alfabetizado. Sabe resolver problemas avançados de matemática, envolvendo raiz quadrada, potência, fatoração, frações e álgebra.

“Para a família é um grande orgulho, queremos oferecer todo suporte para que ele possa desenvolver suas habilidades extraordinária e fazer a diferença no mundo. Acima de tudo, procuramos criar uma pessoa feliz”, conta Ana Cláudia.

A descoberta e inclusão na Mensa não impacta a rotina da família, mas exige alguns momentos de raciocínio rápido para acompanhar e incentivar as descobertas. Por sorte, a mãe também tem facilidade com números.

“Na escola ele se comporta bem, tem vários amigos. Às vezes precisa de um estímulo para realizar as atividades, pois a turma está na fase de alfabetização e ele já está bem avançado.”

Também gosta de estudar o globo terrestre, conhece os fusos horários e praticamente todas as capitais de todos os países do mundo. Em meio a tudo isso, é um apaixonado por viajar e adora praia e brincar na areia.

Atenção em seu próximo mergulho, pode ser um pequeno gênio ali ao lado. Aliás, é assim, como “Leo o pequeno gênio” que o menino é apresentado em canal do youtube com alguns vídeos sobre cálculos e outras surpresas de raciocínio rápido – acesse aqui -.  

 “Quem não o conhece pessoalmente e vê seu desempenho nos vídeos, não imagina como ele é inocente, puro”, conta a mãe. Vá lá, comece a conhecer melhor, você ainda vai ouvir falar dele.

Receba as principais notícias no whatsapp do Giro - CLIQUE AQUI