Giro Marília -Programa leva saúde para moradores em situação de rua em Marília

O programa “Consultório na Rua”, que oferece atendimento básico em saúde para pessoas em situação de rua, será lançado nesta terça-feira em Marília com equipe de enfermeira e uma técnica de enfermagem, um assistente social, um cuidador social e um motorista. Os profissionais já começaram a trabalhar no mapeamento estratégico da cidade e planejamento.

Para transportar a equipe que vai realizar as abordagens, a Prefeitura adquiriu um veículo já identificado com adesivos padrão do programa federal. O atendimento nas ruas começa nos próximos dias.

Conforme explica o secretário municipal da Saúde o programa federal “Consultório na Rua” é vinculado à Atenção Básica, que custeia, juntamente com os municípios, a atenção primária. Somente as cidades com rede mais estruturada conseguem o credenciamento.

“Em termos práticos, é como se fosse um ‘braço’ da nossa rede, com uma equipe móvel, que vai de carro aos locais onde as pessoas vulneráveis estão. A meta é atender o que for possível no próprio local e, principalmente, vincular estas pessoas ao posto de saúde mais próximo para a sequência do atendimento”, explica Mustafá.

A equipe do “Consultório na Rua” pode realizar curativos, fazer vacinas, orientar sobre a questão da higiene relacionada à saúde, prevenção e orientação sobre ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis), colher material para exame de tuberculose e promover a prevenção a zoonoses.

A coordenadora de serviços administrativos da Secretaria Municipal da Saúde, Ednalva Nascimento, que à época do pedido de credenciamento era responsável pelo Setor de Projetos e Convênios da pasta, explica que o serviço começa com equipe porte I.

O atendimento, inicialmente, será das 07h às 13h, podendo ser feito também em outros horários, conforme planejamento técnico. Embora pertença à Saúde, o serviço é intersetorial, tendo em sua equipe um cuidador social “cedido” pela secretária municipal da Assistência e Desenvolvimento Social, Wania Lombardi.

“O Consultório na Rua é uma conquista muito importante para Marília, resultado de um trabalho que envolveu várias áreas de Atenção e Programas, como por exemplo a Saúde Mental. Era um tabu e o prefeito Daniel não teve receio de nos apoiar”, declarou Ednalva.

A equipe, que será apresentada nesta terça-feira, conta com Marcella Maria Pereira Caprari (enfermeira), Jaqueline Sant'Ana Amorim Silvério (técnica de enfermagem), Jurandir Gelmi Júnior (assistente social), Oséas Mattoso Monteiro (cuidador social) e Alison Ferreira Batista (motorista).

O assistente social Jurandir Gelmi Júnior, membro da equipe, destaca a satisfação de fazer parte do Consultório. “É uma oportunidade de levar cidadania, através de um serviço que é direito da população de rua e que é muito difícil promover, sem uma estratégia eficiente como esse programa federal”, disse o profissional participante.


Últimas Notícias