Giro Marília -Sala de Amamentação amplia bem-estar e conforto para mães e bebês na Gota de Leite

A Maternidade e Gota de Leite contará com uma sala de amamentação que, nesta semana, recebeu um refrigerador para armazenar leite pasteurizado do Banco de Leite Humano de Marília (BLH).

A doação foi realizada pelo Rotary Clube de Marília Pioneiro quando a presidente, Aurea Di Manno, visitou a instituição em companhia das associadas Maura Amábile Betti Fagundes de Queiroz e a filha Lili, Drª Marília Polon Pelissari e Drª Sandra Craveiro e da presidente do BLH, enfermeira Sandra Domingues.

Elas foram recebidas pela presidente, Virgínia Maria Pradella Balloni, pela tesoureira Rosalita Soffener e pela coordenadora de Enfermagem Patrícia Truzzi Gilio. Na oportunidade, as rotarianas também entregaram um kit de instrumentais que será utilizado no centro cirúrgico e elogiaram a reforma da poltrona de amamentação.


Patrícia Truzzi Gilio explicou que "a sala de amamentação é um ambiente planejado para as mulheres que retornam à maternidade com alguma dificuldade e precisam de auxílio e apoio à amamentação, ou quando retornam para a consulta puerperal/puericultura poderão amamentar com mais conforto e tranquilidade. Além disso, as funcionárias que retornarão ao trabalho, após a licença maternidade e necessitem realizar ordenha e armazenamento do leite para seus filhos, poderão utilizar a sala com todo o conforto e higiene necessária".

A enfermeira assinalou que "essa sala faz parte de um sonho, pois esta sala é essencial  para a possibilidade da certificação do Hospital Amigo da Criança, título este tão almejado pela maternidade. Então, foi muito importante ter conseguido o refrigerador para o armazenamento do leite humano. Desta forma, deixaremos de utilizar a fórmula láctea  como exige para a certificação".

Ela informou que "a sala ainda não está pronta porque vamos agora dar início à pintura personalizada  e instalação de alguns itens para um ambiente mais aconchegante e confortável".

A presidente do Rotary Pioneiro falou da alegria em ajudar a maternidade. Ela contou que os recursos arrecadados foram suficientes "para aquisição do refrigerador, para a compra de um kit de instrumentais e ainda sobrou para ajudarmos outra entidade. Parece que o dinheiro multiplicou".

A médica nutróloga Drª Marília Polon Pelissari destacou a importância da amamentação para o desenvolvimento saudável dos bebês. Como coordenadora dos Projetos Humanitários do Rotary Pioneiro, ela sugeriu apoiar a sala de amamentação "para incentivar as mães a amamentarem e com o tempo tirarmos as fórmulas". Ela observou que, com mais esta ação, a Gota de Leite se aproxima dos requisitos para conquistar o certificado de "Hospital Amigo da Criança".

De acordo com a enfermeira Sandra Domingues, que tem acompanhado a Gota de Leite no processo de certificação, em breve será agendada a primeira visita técnica das autoridades de saúde: "O Hospital Amigo da Criança é o nosso maior sonho e nós estamos pedindo para que, em março, já venha uma avaliação para aguardar esse título até junho".

Ela explicou que tem orientado a instituição no cumprimento dos 10 passos exigidos pelo Ministério da Saúde: "A maternidade já era redonda, tinha tudo completo". Ela informou que foi necessário promover nova capacitação à equipe devido à entrada de novos médicos e colaboradores que fizeram o curso. "Agora vamos colocar em prática para que todos saibam manusear e ajudar a mãe no aleitamento materno", assinalou.

Sobre a sala de amamentação, Sandra Domingues observou que o local "dará suporte à mamãe que está na maternidade nas dificuldade que venham a ocorrer, como também ao bebê que está em observação. A mamãe poderá subir e vir amamentar em um espaço que é só dela. Além disso, o refrigerador vai servir para armazenar o leite pasteurizado caso alguma criança ficar em observação e precisar desse alimento".

A presidente do BLH concluiu  que "a partir de agora, a maternidade terá acesso ao leite pasteurizado do Banco de Leite para atender a demanda da maternidade com esses bebês cujas mães estão com a apojadura que não apareceu ainda, a descida do leite não ocorreu e o bebê está precisando se alimentar. Ao invés de oferecer fórmula, será feito o oferecimento do leite humano pasteurizado".

Por sua vez, a presidente da Gota de Leite, Virgínia Balloni, agradeceu ao Rotary Pioneiro: "Ficamos muito felizes em contar, novamente, com o Rotary Pioneiro que tanto tem colaborado com nossa maternidade. A sala de amamentação era um sonho antigo e agora demos mais este passo que nos ajudará a conquistar o certificado de "Hospital Amigo da Criança". 

 


Últimas Notícias