Giro Marília -Lutadores de Marília conquistam medalhas em circuito de jiu-jitsu

Pelo menos dois primeiros lugares, além de medalhas para vices e de bronze. Marília encerrou com bom saldo participação de lutadores no Circuito do Interior de Jiu-Jitsu, uma competição que leva disputas para diferentes cidades da região e fez sua última etapa em São Manuel. A próxima acontece em Birigui.

Alan Fernandes, faixa preta que treina na academia Lotus, com mestre João Bosco, fez dobradinha com medalha de ouro em sua categoria nas categorias luta com kimono e NoGi, sem o kimono. Ele participou do circuito pela primeira vez com currículo que inclui títulos mundial e paulista, além do São Paulo Open.

“Em nível geral, os competidores estão evoluindo a cada campeonato e as competições estão cada vez mais duras”, diz o atleta, que apesar dos anos de prática e sucesso nas competições participa dos eventos como difusão do esporte. “Pretendo competir sempre. Mas não com foco de profissionalismo. Sou advogado e isso exige bastante tempo no dia-a-dia”, explica Alan.

Outro atleta de Marília premiado é Tayron Pedro, da equipe Rodrigo Seabra, que conquistou o primeiro lugar na categoria 75kg faixa roxa NoGi e o segundo lugar nas lutas com kimono. Tayron ganhou visibilidade depois de uma boa participação na seletiva para o TUF Brasil. Desde então vem ampliando seu cartel e colecionando bom resultados em combates.

“Agradeço ao professor Rodrigo Seabra pelo apoio e incentivos, a todos os parceiros de treino que me ajudam diariamente, à academia RBV pelo suporte”, disse o lutador.

Segundo o organizador do circuito, James Garcia, atleta de Santa Cruz, a proposta da competição é aproximar grandes eventos do público em diferentes cidades e difundir a modalidade. Os prêmios na maior parte das categorias são medalhas, com exceção das disputas na Absoluto, que não divide atletas por peso.

 


Últimas Notícias