Giro Marília -POLÊMICA NO MMA – Luta interrompida divide opiniões, veja novo vídeo

A repercussão sobre uma luta interrompida durante o Impactotal Fight 6, disputado no final de semana em Garça (30 km de Marília) ainda rende debate entre atletas e provocou muitas críticas de lutadores amigos e relacionados com Paulo Pizzo, considerado vencedor pelos árbitros mas cuja vitória pode ser levada a análise de contestação.

O lutador Alex Kamizake Bassani, de Marília, pediu impugnação do resultado acusando falha da arbitragem. A divulgação do pedido provocou muita reação, especialmente na Grande São Paulo, de amigos próximos ao atleta Paulo Pizzo, da equipe Peso Pesado Team.

Para Alex, o juiz errou em interromper a luta em momento em que ele ainda tinha condições de combate. Para torcedores que entraram em contato com o Giro Marília, o lutador de Marília “apagou” com pouco mais de um minuto e meio de luta.
Alex Bassani divulgou um vídeo filmado de fora do octógono. Diz que o árbitro conferiu seus braços e que ele indicou que estava acordado em condições de lutar.

“Alex Bassani apagou em cima do adversário”, disse a leitora Elizabete Miranda Lemos, que encaminhou link de vídeo – assista abaixo – com novo posicionamento de câmara, muito próximo aos atletas. “ Esse vídeo que é o oficial, e mostrar que o árbitro agiu corretamente em interromper a luta”, disse a leitora, que é nutricionista, lutadora e amiga de Pizzo.

"Dá pra ver nitidamente que o seu braço esquerdo está morto", disse outro leitor de Sâo Paulo, o lutador Marquinhos Vato.


Confira o novo vídeo:

 


Últimas Notícias