Giro Marília -Após 23 anos sem título, Rubinho é campeão da Stock Car

Desde 1991 sem gritar "campeão", quando conquistou a Fórmula 3 Inglesa, o piloto Rubens Barrichello conquistou título neste domingo: Campeão da Stock Car 2014. E as quase duas décadas na Fórmula 1, que proporcionaram esse longo jejum, ajudaram Rubinho a ter experiência e calma para assegurar o título da principal categoria do automobilismo nacional.

Maior ameaça ao título de Barrichello, Átila Abreu terminou a corrida em segundo e acabou com o vice-campeonato. Rubinho cruzou a linha de chegada em terceiro, garantiu um lugar no pódio e, mais do que isso, o título de 2014.

A temporada chegou à última prova, em Curitiba, com oito concorrentes ao título: Barrichello, Átila Abreu, Thiago Camilo, Julio Campos, Antonio Pizzonia, Sergio Jimenez, Cacá Bueno e Allam Khodair – os três primeiros com mais chances.  Líder do campeonato e largando da pole, Rubinho precisava de no máximo um quarto lugar para assegurar a taça.

Rubinho largou bem, manteve a liderança, mas ainda no começo da corrida foi surpreendido por uma mancha de óleo na pista, escapou e caiu para quarto. Na parada dos boxes, ganhou uma posição e subiu para terceiro, posição que administrou até o fim para levar a taça.