Giro Marília -Marília terá delegação em megacompetição de estudantes em Bauru

Em sua 17ª edição, “O Inter”, chamado anteriormente de InterUnesp e considerado o maior evento universitário de competição esportiva do país, acontecerá neste ano em Bauru. 

Serão quatro dias de jogos e festas, de 2 a 5 de novembro, que reunirão 3.000 universitários dos 23 campi da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP), com a delegação de Marília na disputa, e um público estimado de 15 mil visitantes.

As associações atléticas acadêmicas que participam da competição são de municípios de todas as regiões do Estado: Araçatuba, Araraquara, Assis, Bauru, Botucatu, Dracena, Franca, Guaratinguetá, Ilha Solteira, Itapeva, Jaboticabal, Marília, Ourinhos, Presidente Prudente, Registro, Rio Claro, Rosana, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Vicente, Sorocaba e Tupã.

Serão 12 modalidades esportivas – atletismo, basquete, futsal, handebol, judô, natação, vôlei, vôlei de praia, tênis de mesa, tênis de campo, xadrez (feminino e masculino) e futebol de campo masculino. Ainda está em estudo a adição de modalidades experimentais, a exemplo das duas edições anteriores, quando foi incluído o jiu-jitsu.

As disputas serão divididas em primeira e segunda divisão. A primeira é composta por 13 atléticas e a segunda, por 10 (confira a relação das cidades no quadro), com jogos acontecendo simultaneamente.

A programação ainda será definida, mas os jogos acontecerão sempre das 8h às 22h, com entrada gratuita, em praças esportivas da região do Bela Vista.

“Trazer O Inter para nossa cidade é resultado de muito esforço e dedicação. Bauru passou por uma avaliação criteriosa, que inclui visita técnica para averiguar a infraestrutura. Também conta muito a localização e as 16 escolas que serão alojamentos das delegações”, explica a presidente da Liga Interuniversitária de Esportes Universitários (LIEU), Bruna Moura.

Outras atrações também animam o público que vai aos jogos. O Desafio das Baterias, principal competição das baterias universitárias da Unesp, ocorre durante O Inter. O julgamento dos grupos é feito por especialistas, que fazem parte de escolas de samba consagradas no Carnaval Paulista.

Em 2016, quando os jogos aconteceram em Presidente Prudente, as baterias campeãs foram a Psicoteria, pela primeira divisão e a Furiosa, de Prudente, pela segunda. A festa tem ainda a animação de líderes de torcidas das delegações.

Economia impulsionada

Na edição de 2015, em Araraquara, os 16 mil visitantes movimentaram R$ 12 milhões e foram responsáveis pela geração de 1 mil empregos temporários. Nos jogos de Prudente foram injetados mais de R$ 10 milhões na economia, com 600 postos de trabalho. Para este ano, a estimativa é de um incremento de R$ 20 milhões na economia bauruense, duas vezes mais do valor injetado em Fortaleza no ano passado, durante o Iroman, maior evento de triathlon do mundo. A economia de serviços é mais aquecida em eventos esportivos, considerando a movimentação de restaurantes, casas noturnas, hotéis, supermercados, padarias, postos de combustíveis e lojas do comércio.

Os empregos temporários devem beneficiar 1.100 trabalhadores. A busca é por profissionais como segurança, brigadistas, eletricistas, encanadores e serviços gerais.

A Liga InterUniversitária é formada por mais de 80 alunos da Unesp que representam as 23 associações atléticas acadêmicas dos campi. O LIEU tem as comissões de esportes, festas, gabinete, marketing, projetos socioculturais e conselho fiscal que trabalham juntas para difundir o esporte na universidade. 


Últimas Notícias