Giro Marília -Planalto e Congresso chegam a acordo sobre Orçamento, diz senador

source
null
Arquivo/Agência Brasil
undefined


O líder do Governo no Congresso , senador Eduardo Gomes (MDB-TO), disse que o Executivo vai aceitar o relatório do deputado Efraim Filho (DEM-PB) para o projeto de lei que facilita a sanção do Orçamento federal.

"Defendemos as mudanças consolidadas no relatório. O governo assume, de público, o compromisso com as mudanças efetuadas", disse Gomes.

O texto, que altera a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), deve ser votado nesta segunda-feira (19). Se aprovado, seguirá para sanção na Câmara dos Deputados

Leia também

Com a aprovação, as despesas do combate à pandemia e seus efeitos na economia serão retirados da meta fiscal. A medida também permite que recursos sejam bloqueados no Orçamento de 2021, cujo prazo para sanção é na próxima quinta-feira (22).

Os bloqueios poderiam compensar a verba retirada de despesas obrigatórias para bancar as emendas parlamentares.

"Vamos conseguir fazer um cancelamento, um bloqueio, na verdade, de 9 bilhões de reais em emendas, em despesas discricionárias por parte do Governo para fazer a compensação das despesas obrigatórias", disse o relator no plenário, Efraim.


Últimas Notícias